Trade

Numa altura em que começam a chegar a Portugal os grandes filmes nomeados para os Oscars, há também outros motivos de interesse especialmente aqueles que focam assuntos recorrentes na sociedade. Um desses exemplos é certamente Gone Baby Gone, que já vi, mas hoje venho aqui escrever sobre Trade, um filme sobre o flagelo que é tráfico de pessoas para fins sexuais.

Realizado pelo alemão Marco Kreuzpaintner, para mim um completo desconhecido que aqui um salto para a fama, Trade é, no mínimo, desconcertante, emocionalmente violento e bastante elucidativo e representativo do tema que foca bem como de toda a problemática envolvente.

trade.jpg

Trade, que é português vê adicionado ao seu título a frase “Bem Vindos à América” conta-nos a história de um grupo de pessoas, focando-se na personagem de Adriana (Paulina Gaitan), que se vêem raptadas no México por um grupo de pessoas que têm como objectivo vendê-las como escravas sexuais. O irmão de Adriana, possesso pela fúria, começa sozinho a seguir os movimentos do grupo, de modo a tentar libertar a sua irmã. Pelo caminho cruza-se com Ray Sheridan (Kevin Kline), uma polícia atormentado também pelo desaparecimento da sua própria filha. Juntos prosseguem uma viagem que parece não levar a lado nenhum mas da qual não desistem até conseguirem aquilo a que se propuseram: salvar Adriana.

Trade não entra em sentimentalismos baratos, ao contrário disso, embora não seja explícito, é muito directo na abordagem que faz ao tema do tráfico de pessoas; é coerente na abordagem, não se limita a contar uma história mas sim a abordá-la com o cuidado necessário à sua percepção. É, de facto, um filme quase “documentário” enfeitado com um história de salvamento.

Não sendo propriamente um filme fácil de “engolir”, Trade é com certeza um daqueles filmes que ficam a matutar na nossa cabeça, seja pela sua autenticidade, ou pela sua audácia, ou pelo seu tema, ou simplesmente porque é um filme interventivo; é uma daqueles pedras que ficam no sapato que são incómodas, nas quais estamos sempre a pensar mas que tentamos esquecer ou simplesmente apagar da nossa memória… mas é uma pedra que não sai, que nos faz constantemente pensar nela… Trade foca um tema actual, sempre presente no nosso dia-a-dia e que por muito que tentemos ignorar, não conseguimos. É um filme que nos faz lembrar e ainda bem que há filmes assim. De notar também que não são precisos orçamentos gigantes para se fazer um bom filme; talvez tivesse ajudado um pouco mas ainda assim vale imenso pela ideia, mensagem e argumento.

Os actores, que fora Kevin são praticamente desconhecidos, cumprem o seu papel na perfeição; de realçar Cesar Ramos, o jovem que interpreta o irmão de Adriana, e ainda a polaca Alicja Bachleda-Curus, uma das companheiras de cativeiro de Adriana. Apesar de o papel de Jorge ter algumas falhas, principalmente no que toca aos seus diálogos com Ray por serem demasiado “encenados”, tudo o resto na personagem, aliás em todas elas, é bem representado e interpretado.

Sei que é difícil fugir aos grandes filmes da temporada, eu mesmo se não tivesse a oportunidade de o ver em DVD muito provavelmente não o teria visto e nem teria noção do que estaria a perder. Seja em DVD, seja em cinema, tentem ver este filme mas tentem não absorvê-lo demasiado pois fica cravado na nossa consciência. É um bom filme para nos lembramos o quão boa a nossa vida é comparada com muita, muita gente.

Com as etiquetas

3 thoughts on “Trade

  1. Knoxville diz:

    É bom sim senhor. Gostei bastante também. O Kevin Kline está velhinho mas ainda tem aquele Je ne sais quoi. A polaca levou o papel tão a peito, que acabou mesmo por ir parar ao hospital depois da cena da violação, com os lábios rebentados. Um abraço Simão!

  2. Disso não sabia mas nota-se de facto a dedicação dela!
    Abraço Knox!

  3. Raul diz:

    Sabe o nome da musica de abertura e/ou quem canta?
    Abraço!

Queres falar agora?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s