Paradise Now

Ontem vi um dos filmes mais marcantes de 2006: Paradise Now, O Paraíso Agora!. Não estava à espera que o filme me surpreendesse tanto, mas ao final de cerca de 1h20 de filme fiquei completamente estupfacto com tudo aquilo com que fui bombardeado.

Paradise Now

Realizado por Hany Abu-Assad e escrito também por este e Bero Beyer (dulpa de sucesso em Ford Transit), Paradise Now leva-nos até à cidade de Nablas, na Palestina, onde tudo parece fora do vulgar. A exploração da miséria, da manipulação e fanatismo religioso, do simples dia-a-dia palestiniano. Said e Khaled (com brilhantes interpretações de Kais Nashif e Ali Suliman, respectivamente) são dois amigos que trabalham numa sucata. Um dia são recrutados para se juntarem à guerra santa, tendo sido os escolhidos para um ataque suicida em Tel Aviv. As 48h finais da vida dos dois amigos é nos relatada de uma forma realista e objectiva.

Frio, cru, determinado, simbólico… Paradise Now é assim mesmo. Um filme inteligentemente escrito e dirigido, onde o conflito israelo-palestiniano assume proporções mais pessoais e emotivas. Grande mérito para os autores, pelo maneira como conseguem mostrar uma história (bem real) sem tomarem partido por nenhum dos lados.

Resumindo, Paradise Now é um filme obrigatório. É frontal… totalmente sem rodeios…
Prefiro acreditar no paraíso do que continuar a viver no inferno“, uma das frases de Khaled, explica o sentido e significado total do filme e, ao mesmo tempo que nos dá uma prespectiva religiosa do assunto, bate à porta da questão sociológica do assunto.

A meu ver é um dos melhores filmes não-inglês do ano, se não o melhor (dos que vi obviamente)! O único demérito que se poderia apontar é ser curto. Mais tempo daria para explorar mais as mentes das personagens. Mas… 1h20 já chega para vos por a pensar durante muito tempo…

Nota:

3 thoughts on “Paradise Now

  1. Vi o filme ha pouco + de uma semana.. e ia escrever sobre isso… ai ai… adiantas-te sempre.. .lol

    bah..Aparte disso, o filme tá espetacular. Aconselho mesmo toda a gente a ver. É como o Oracle diz: é 1h20 que nos faz pensar por muito mais tempo.

    Vejam assério! Se não tiverem o filme eu empresto a quem quiser…😉

  2. […] “Paradise Now” […]

  3. Resenha muito bem escrita.

    Adorei o filme, mostrou o conflito Israel-Palestina com uma perspectiva que eu não conhecia.

Queres falar agora?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s